Posts recentes

Comentários

    Arquivos

    Categorias

    Meta

    Instagram has returned invalid data.

    Me dê motivo

    Não que seja preciso uma razão a mais para visitar Inhotim, o maior museu a céu aberto do mundo, em Brumadinho, Minas Gerais.

    Organizado em meio a um jardim botânico, com pavilhões da melhor arquitetura feita no país hoje, o Inhotim oferece vários restaurantes, todos charmosos e com comida deliciosa, onde você pode fazer uma pausa para retomar as andanças pelas obras de arte contemporânea que podem, de repente, te surpreender lodo depois de uma coleção de patas de elefante ou de orquídeas raras.

    Pois, com tudo isso,  há mais um bom motivo para revisitar o lugar ou para finalmente conhecê-lo: no dia 24 de outubro aconteceu a maior troca de acervo desde 2006. Acervo que abrange 600 obras de uma centena de artistas de 30 nacionalidades, produzidas de 1960 até hoje.

    Entre os destaques das novas exposições estão os paulistas Luiz Zerbini e Marcius Galan, que comparece, entre outros trabalhos,  com a instalação Imóvel Instável, de 2011: num jogo de pesos e contrapesos, 300 quilos equilibram uma moeda de 10 centavos – uma referência à desigualdade social no país.

     Tel. (31) 3571-9700.

    De terça a sexta-feira, das 9h30 as 16h30.

    Aos sábados, domingos e feriados, entre 9h30 e 17h30.

    Marcius Galan, Imóvel Instável, foto Rossana Magri

    Marepe, A Cabra

    Juan Araújo, Casa de Baile

    Geraldo de Barros, Sem Título

     

     

       

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

        Radar Arquitetura e Design © 2005-2019. Todos os direitos reservados.